Hellsing ganha adaptação para live-action pela Amazon Studios

A Amazon Studios está preparando uma adaptação para live-action de Hellsing, de Kohta Hirano (Drifters, Angel Dust). Um detalhe que chama atenção nesse futuro projeto é o envolvimento do roteirista Derek Kolstad, conhecido por seu trabalho na franquia John Wick, protagonizada pelo astro Keanu Reeves e que tem seu quarto filme previsto para 2022.

Kolstad quando questionado sobre seus sentimentos em relação ao projeto disse: Quando meu irmão me introduziu ao mangá alguns anos atrás, eu me tornei obcecado em adaptá-lo. E quando Mike Callaghan e sua equipe conseguiram os direitos para isso e firmaram uma parceria com Brian Kavanaugh Jones e a Amazon, eu disse ‘caramba, cara isso é um sonho’.

Hellsing tem uma história peculiar com adaptações. Sua primeira adaptação para anime foi em 2001 pelo estúdio Gonzo. Essa adaptação é infame entre muitos fãs por modificar fortemente o material original. O anime dirigido por Umanosuke Iida (Devilman: Tanjou-hen, CB Chara Go Nagai World) e escritor por Chiaki Konaka (Digimon Tamers, Serial Experiments Lain), foi produzido enquanto o mangá ainda estava em publicação e, por conta disso, apenas adaptou os primeiros 2 volumes, continuando com uma história original a partir desse ponto.

Em 2006, o estúdio Madhouse (Death Note, One Punch-man, HunterxHunter 2011) em parceria com os estúdios Satelight (Fairy Tail, Log Horizon) e Graphinica (Arslan Senki, Juuni Taisen), lançou uma série de ovas que adaptariam o mangá de Hirano de uma forma fiel. Hellsing Ultimate soma 10 episódios lançados entre 2006 e 2012 e conta com Tomokazu Tokoro (Haibane Renmei, Accel World) na direção e Ueda Yasuyuki (Ergo Proxy, Texhnolyze) na produção. O anime entregou um trabalho fenomenal, captando toda excentricidade e energia do material original.

No Brasil, o mangá de Hellsing foi publicado pela editora JBC. Hellsing Ultimate está disponível na plataforma de streaming Netflix.

Fonte: Deadline.

#AmazonStudios #Hellsing #Liveaction

0 visualização0 comentário