Novo anime Shaman King é listado com 52 episódios


Série será lançada em 4 Box Blu-Ray. Novo anime Shaman King estreou nas TVs japonesas em 1º de Abril e vai ser lançado pela Netflix futuramente.



O site oficial para a nova adaptação em anime TV do mangá de Hiroyuki Takei, Shaman King, revelou nesta semana que a série vai ser lançado com 4 box Blu-Ray e cada caixa vai incluir 13 episódios, para um total de 52 episódios.


As duas primeiras caixas de Blu-ray Disc serão lançadas em 25 de Agosto e 24 de Novembro de 2021. A terceira caixa será enviada em 23 de Fevereiro de 2022 e a quarta será lançada em 25 de Maio de 2022.


No Japão, o anime estreou na quinta-feira (01/04). A Netflix vai transmitir o anime em todo o mundo ainda este ano.


O anime vai adaptar todos os 35 volumes da nova edição completa do mangá, que Kodansha começou a publicar em volumes impressos no Japão em Junho 2020. A primeira adaptação do mangá para anime estreou em 2001.


O anime estreou no dia 1º de Abril às 17:55h nos canais TV Tokyo, TV Osaka, TV Aichi, TV Setouchi, TV Hokkaido e TVQ Broadcasting Kyushu. Também será executado no canal BS TV Tokyo.


O anime trará de volta Yui Horie para reprisar seu papel como a líder dos X-Laws, Jeanne, do anime de 2001 e escalou Yūichi Nakamura como o segundo em comando dos X-Laws, Marco. (Akimitsu Takase anteriormente interpretou o personagem no anime de 2001).


Abaixo, você confere a abertura do anime. Megumi Hayashibara canta o tema de abertura “Soul salvation”:

Enredo:


A Viz Media publicou o mangá Shaman King original em inglês e descreve como a história começa:


Quando ele toma um atalho pelo cemitério, Manta Oyamada conhece um garoto estranho com fones de ouvido – cercado por fantasmas. O garoto é o xamã adolescente Yoh Asakura. Aproveitando os poderes sobrenaturais de luta contra espadas do fantasma samurai Amidamaru, Yoh luta com Bokuto no Ryu, um membro de uma gangue empunhada. Mas um oponente ainda mais perigoso está perseguindo Yoh e Manta – um xamã chinês que deseja possuir Amidamaru.

O elenco anteriormente anunciado incluem:


Yōko Hikasa como Yoh Asakura Katsuyuki Konishi como Amidamaru (retornando do anime de 2001) Megumi Hayashibara como Anna Kyōyama (retornando do anime de 2001) Inuko Inuyama como Manta Oyamada (retornando do anime de 2001) Romi Park como Tao Ren (retornando do anime de 2001) Kousuke Takaguchi como Bason Masahiko Tanaka como Ryunosuke Umemiya (retornando do anime de 2001) Wataru Takagi como Tokagerō (retornando do anime de 2001) Yūji Ueda como Horohoro(retornando do anime de 2001) Megumi Nakajima como Kororo Michiko Neya como Tao Jun (retornando do anime de 2001) Tooru Sakurai como Lee Pailong Nana Mizuki como Tamao Tamamura (retornando do anime de 2001) Takumu Miyazono como Ponchi Noriaki Kanze como Konchi Takehito Koyasu como Fausto VIII (retornando do anime de 2001) Masakazu Morita como Mosuke Minami Takayama como Hao Asakura (retornando do anime de 2001) Rina Hidaka como Pirika Yoko Soumi como Lyserg Diethel (retornando do anime de 2001) Motoko Kumai como Joco (Chocolove) McDonell (voltando) Yui Horie como Jeanne (voltando) Yūichi Nakamura como Marco Hikaru Midorikawa como Silva Eiji Hanawa como Kalim

Staff:


Joji Furuta (The Seven Deadly Sins: Revival of The Commandments, Uta no Prince Sama Maji Love Kingdom, Double Decker! Doug & Kirill, ēlDLIVE) está dirigindo o anime no Studio Bridge (Fairy Tail, The Royal Tutor). Shoji Yonemura (franquia Pokémon, Wave Listen to Me!) é o responsável pelos scripts da série. Satohiko Sano (Heybot!, Welcome to Demon School, Iruma-kun, Talentless Nana) está projetando os personagens. Yuki Hayashi (My Hero Academia, Haikyu!!) está compondo a música, com a King Record como produtor musical. Masafumi Mima é o diretor de áudio.


Projeto de adereço: Yuji Shibata Diretor de arte: Jin’ya Kimura Design de arte: Masaaki Kawaguchi Design de cores: Natsuko Otsuka Diretor de fotografia: Teruyuki Kawase Edição: Kumiko Sakamoto

O tema de abertura é “Soul salvation” de Megumi Hayashibara o tema de encerrando #Boku no Yubisaki” (My Fingertip). (Ela cantou duas canções de abertura e duas canções de encerramento para o anime de 2001).


Outras Informações:


O mangá Shaman King começou a ser publicado na revista Weekly Shonen Jump da Shueisha em 1998. A série terminou abruptamente em 2004, embora uma reimpressão do mangá revelasse um “verdadeiro final” em 2009. Takei desenhou uma série de história curtas chamadas Shaman King 0 na Jump X em Novembro de 2011 e uma sequencia chamada Shaman King Flowers foi publicada de 2012 a 2014.


O mangá ganhou uma adaptação em anime com 64 episódios que foram exibidos de 2001 a 2002.